Ministro Carlos Ayres Britto recebe Prêmio FGV de Direitos Humanos

quarta-feira
01/02/2017

Ministro Carlos Ayres Britto recebe Prêmio FGV de Direitos Humanos

Ministro Carlos Ayres Britto recebe Prêmio FGV de Direitos Humanos

As Escolas de Direito do Rio de Janeiro (Direito RJ) e de São Paulo (Direito SP) da Fundação Getulio Vargas prestarão homenagem ao ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF), Carlos Ayres Britto. No dia 13 de fevereiro, às 11h30, no auditório do edifício sede da FGV, no Rio de Janeiro, ele vai receber o “Prêmio FGV de Direitos Humanos” por sua contribuição na promoção e defesa dos Direitos Humanos.

O ministro Ayres Britto foi escolhido para receber o prêmio por sua destacada atuação no Supremo, de 2003 a 2012. Durante esse período, ele relatou processos de grande repercussão social, como o reconhecimento da união homoafetiva e a constitucionalidade da utilização de células-tronco embrionárias em pesquisas científicas.

Esta será a segunda edição do prêmio, criado em 2014 por ocasião dos 70 anos da FGV, que reiteradas vezes ao longo da sua trajetória renovou o compromisso com o desenvolvimento social, com a democracia e com os direitos humanos.

Na primeira edição, foi agraciado o professor Paulo Sérgio Pinheiro, presidente da Comissão Internacional Independente de Inquérito para a República Árabe da Síria, estabelecida pelo Conselho de Direitos Humanos da ONU, e membro da Comissão Nacional da Verdade.

Os interessados em participar devem se inscrever pelo site.