Fernanda Abreu, aluna da FGV Direito Rio, integra equipe 2ª colocada no Desafio de Dados (Datathon)

quarta-feira
09/09/2020

Fernanda Abreu, aluna da FGV Direito Rio, integra equipe 2ª colocada no Desafio de Dados (Datathon)

Fernanda Abreu, aluna da FGV Direito Rio, integra equipe 2ª colocada no Desafio de Dados (Datathon)

A aluna da FGV Direito Rio, Fernanda Abreu, foi uma das participantes da equipe "Pirates.PY", formada também por Rafael Kovashikawa, Diogo Wolff, Antonio Tabajara, alunos do EPGE. A equipe conseguiu o 2º lugar no Desafio de Dados (Datathon), uma iniciativa da FGV EESP para fomentar estudos e atividades envolvendo criptomoedas e promover a integração de alunos de graduação de todo o Brasil. A FGV faz parte de um seleto grupo de universidades no mundo que são parceiras da Ripple no University Blockchain Research Initiative (UBRI). No desafio, cada equipe teve 1 semana para desenvolver uma solução para algum problema relevante relacionado ao tema de criptomoedas.

O projeto do grupo de alunos da FGV tinha como objetivo construir um algoritmo de compra e venda de bitcoins que superasse o mercado e montar um dashboard interativo com os resultados. Para construir o algoritmo, foi aplicada uma estratégia que consistia em observar as médias móveis do bitcoin para determinar os momentos de compra e venda. Além disso, para dosar a quantidade de bitcoin em cada operação de compra ou venda, foi utilizada uma técnica de quantificação de sentimentos em uma base de notícias de mercado de criptomoedas.

Para Fernanda, o desafio foi uma oportunidade para aprender com os colegas de economia e colocar em prática um pouco do que aprendeu sobre python na graduação. "Apesar de o desafio ter contado com participantes de vários  cursos como ciência da computação e afins, tenho certeza que nossa boa colocação se deu bastante por conta da diversidade de olhares no grupo", conta.

Galeria de Fotos: 

Fernanda Abreu, aluna da FGV Direito Rio, integra equipe 2ª colocada no Desafio de Dados (Datathon)