Notícias

21/06/2022

FGV Direito Rio debate inteligência artificial e proteção de dados na segunda edição da CPDP Latam

O Centro de Tecnologia e Sociedade (CTS) da Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getulio Vargas (FGV Direito Rio) promove nos dias 12 e 13 de julho, a segunda edição da edição latino-americana da Computers, Pr

O Centro de Tecnologia e Sociedade (CTS) da Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getulio Vargas (FGV Direito Rio) promove nos dias 12 e 13 de julho, a segunda edição da edição latino-americana da Computers, Privacy and Data Protection Conference, a CPDP Latam 2022, que terá como tema “Inteligência Artificial e Proteção de Dados na América Latina”. Reunindo especialistas do Brasil e do exterior, o evento promoverá discussões sob perspectivas variadas e complementares a respeito da proteção de dados e da regulação da inteligência artificial na América Latina.

As inscrições para o evento, que será realizado de modo presencial na sede da FGV em Botafogo, já estão abertas. Os ingressos destinados ao público em geral custam R$ 300. Contudo, a FGV oferece 60 ingressos gratuitos para estudantes de graduação e pós-graduação, sendo 30 para alunos da FGV e mais 30 para alunos de outras instituições de ensino. Esses ingressos serão atribuídos por ordem de chegada, portanto, incentivamos os participantes a se inscreverem imediatamente.

Coordenador do CTS da FGV Direito Rio e principal organizador do evento, o professor Luca Belli assinala a importância da realização do evento que, pela primeira vez, será realizado de modo presencial. 
“As evoluções da inteligência artificial podem trazer enormes benefícios, mas apresentam também enormes riscos, sobretudo quando sistemas de IA processam maciçamente dados pessoais. A regulação da inteligência artificial vem gerando enorme interesse de governos, reguladores, empresas e sociedade civil, seja ao nível global, regional ou nacional, a fim de entender e maximizar os benefícios e mitigar os riscos. A CPDP Latam tem um enorme valor porque é a única conferencia da região latino-americana oferecendo uma abordagem multissetorial à governança de dados, debatendo de maneira participativa quais desafios traz a AI quais soluções regulatórias existem”, observou o especialista.

Além do professor Nicolo Zingales, coordenador do Núcleo de E-Commerce da FGV Direito Rio, participam do evento a relatora da ONU para privacidade, Ana Brian; o diretor-presidente da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), Waldemar Gonçalves; Samantha Oliveira, Data Protection Officer do Mercado Livre; e Danilo Doneda, integrante do Conselho Nacional Brasileiro de Privacidade e Proteção de Dados.

O encontro também contará com a presença do Presidente do Diretor da autoridade Mexicana de Proteção de Dados, Francisco Javier Acuña Llamas, da CEO da Open Knowledge Foundation, Renata Ávila; da pesquisadora do CTS da FGV Direito Rio, integrante do Conselho de Segurança e consultora da TikTok, Nina da Hora; do vice-diretor de privacidade do Facebook, Rob Sherman; e do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação do Rio de Janeiro, Thiago Dias, entre outros. 

A CPDP Latam é a plataforma latino-americana para discussão sobre privacidade, proteção de dados e tecnologia, que inclui as edições latino-americanas das conferências Computers, Privacy and Data Protection (CPDP), MyData e Privacy Law Scholars Conference (PLSC).

As inscrições podem ser feitas no endereço: https://cpdp.lat/pt-br/ingressos/
Já a programação completa pode ser conferida na página: https://cpdp.lat/pt-br/programa/
 

As manifestações expressas por integrantes dos quadros da Fundação Getulio Vargas, nas quais constem a sua identificação como tais, em artigos e entrevistas publicados nos meios de comunicação em geral, representam exclusivamente as opiniões dos seus autores e não, necessariamente, a posição institucional da FGV. Portaria FGV Nº19 / 2018.

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.