Sobrecarregado, STF supre deficiências do Congresso Nacional

segunda-feira
20/06/2011

Sobrecarregado, STF supre deficiências do Congresso Nacional

O Jornal Brasil Econômico entrevistou Pablo Cerdeira e divulgou estudo da FGV DIREITO RIO mostrando em números que o Supremo Tribunal Federal (STF) atua mais do que deveria. O STF nunca esteve tão em evidência, nas decisões como a união estável homoafetiva, a extradição do italiano Battisti, a marcha da maconha, o assassinato cometido por Pimenta Neves e até um caso de roubo de galinha.

"No Brasil um processo pode ter literalmente infinitos recursos" afirma o advogado e professor da FGV DIREITO RIO Pablo Cerdeira. Questionado se  STF é acessível a quem não tem recursos, o professor afirma que "a justiça só é acessível a todos nas instâncias menores. Quem consegue chegar lá são empresas e pessoas com recursos (...) A PEC dos Recursos corrigiria essa exclusão social.

Leia abaixo o artigo do Brasil Ecocômico, seguido da entrevista com o professor Pablo Cerdeira.

Clique aqui e assista a entrevista do professor na Globo News.

Leia mais notícias: