Cibersegurança: uma visão sistêmica rumo a uma Proposta de Marco Regulatório para um Brasil digitalmente soberano

Este trabalho destaca que a cibersegurança é um assunto necessariamente multidimensional, multissetorial e, frequentemente, transnacional. Tal natureza é evidente, considerando que a elaboração e implementação de conceitos, estratégias, normas, ferramentas e mecanismos de governança de cibersegurança depende de atores de natureza extremamente diferente – pública, privada, associativa etc. – que não são necessariamente localizados na mesma jurisdição. Ao mesmo tempo, ciberataques implicam frequentemente atores de natureza diferente localizados em várias jurisdições, tornando a cooperação internacional uma necessidade não somente para conseguir respostas apropriadas aos ciberataques, mas, ainda mais basicamente, para conseguir um nível de certeza adequado na atribuição mesma dos ataques.


  • Autor(es): Luca Belli
  • Bruna Franqueira, Erica Bakonyi, Larissa Chen, Natalia Couto, Sofia Chang, Nina da Hora, Walter B. Gaspar
  • Páginas: 158
  • Data de lançamento:
  • ISBN: 978-65-00-72715-9

As manifestações expressas por integrantes dos quadros da Fundação Getulio Vargas, nas quais constem a sua identificação como tais, em artigos e entrevistas publicados nos meios de comunicação em geral, representam exclusivamente as opiniões dos seus autores e não, necessariamente, a posição institucional da FGV. Portaria FGV Nº19 / 2018.

A A A
Alto contraste

Esse site usa cookies

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação e utiliza tecnologias como cookies para armazená-las e permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para mais informações, acesse o nosso Aviso de Cookies e o nosso Aviso de Privacidade.